A Águas Guariroba garante a qualidade da água distribuída para a população. O abastecimento da capital sul-mato-grossense tem um rigoroso processo de monitoramento, desde a captação até a chegada nos hidrômetros dos imóveis. Todos os parâmetros de análise da nossa água estão dentro dos padrões da legislação. Nunca foram encontrados parâmetros desconformes com a lei.

O levantamento divulgado em notícias da imprensa, com base em dados do Sistema de Informação de Vigilância da Qualidade da Água para Consumo Humano (Sisagua), interpreta de forma inadequada os dados disponibilizados pelas empresas de saneamento. Em nenhuma análise realizada pela empresa foi detectada a presença de agrotóxicos acima dos limites permitidos na Resolução CONAMA 357/05 e CONAMA 396/11.

A água distribuída em Campo Grande é monitorada no laboratório que fica na estação de tratamento de água (ETA) Guariroba, onde são realizados diariamente exames bacteriológicos e físico-químicos em amostras coletadas em vários pontos da cidade. Por dia, a empresa analisa em média 130 amostras de água. Mensalmente, são feitas 25 mil análises de qualidade, atendendo as normas da Portaria 005/2017 do Ministério da Saúde, que dispõe sobre o controle e vigilância da água para consumo humano. Desde 2016 o laboratório da Capital tem seus processos acreditados pela Coordenação Geral de Acreditação do Inmetro (CGCRE). Semestralmente a análise das águas brutas é realizada por um laboratório terceirizado também acreditado pelo Inmetro.

A Águas Guariroba irá pedir esclarecimentos para que nenhuma informação seja divulgada de maneira que coloque em dúvida a qualidade da água fornecida para os campo-grandenses. Acesse a fonte oficial e conheça todos os dados do controle de qualidade da água de Campo Grande neste link: http://dados.gov.br/dataset/controle-semestral

Share Button

Deixe uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *